Carta de apoio à Orquestra de Estremadura

À atençao do Sr. Presidente da

comúnidades de Estremadura. Espanha

Excelentissimo Senhor:

quem abaixo assina, vem a você muito respeitosamente expressar a sua total oposição aos planos que a sua administração tem para mudar a situação laboral dos membros da Orquestra de Extremadura e à eventual cessação da sua actividade, uma vez que representa um dos dois pilares da cultura na sua Comunidade. O seu desaparecimento ou redução substancial nas condições de trabalho dos seus componentes , seria um retrocesso, quase irrecuperável, de mais de 20 anos no desenvolvimento artístico da Comunidade.

É por estas razões que peço seja reconsiderada a sua decisão em relação a este problema e sejam realizados todos os esforços necessários para corrigir a situação através de uma nova via de diálogo, para encontrar uma solução satisfatória para todas as partes interessadas, especialmente nestes tempos de crise económica mundial que afecta directamente a qualidade de vida de milhões de pessoas e , especialmente,a saúde, a educação e a cultura.

Agradecendo a sua atenção, com os melhores cumprimentos,

ASSINE E ENVIE A SUA CARTA PARA MÓNAGO AQUI

Una respuesta a Carta de apoio à Orquestra de Estremadura

  1. Bruno Anguita Alegret dijo:

    Siempre he pensado que nuestros hermanos portugueses son más tranquilos y educados, más solidarios y más respetuosos con el patrimonio cultural que nosotros. Esta carta que dirigen al Presidente de la Junta de Extremadura lo demuestra. Deseo de todo corazón que no caiga en saco roto. Muchas gracias

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión / Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión / Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión / Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión / Cambiar )

Conectando a %s